domingo, 13 de outubro de 2013

Visita ao Irmão JOÃO FERREIRA DURÃO.

     Na tarde do dia 07 de outubro de 2013, o Comandante-em-Chefe do Mui Poderoso Consistório de Príncipes do Real Segredo Nº 1, Irmão MILTON ANTÔNIO GRAÇA DO SACRAMENTO, realizou uma visita ao pesquisador, escritor e ex-Presidente do Consistório  Nº 1, no período de outubro de 1993 a dezembro de 1996, o Irmão JOÃO FERREIRA DURÃO, o qual durante quatro horas discorreu sobre o período em que atuou no nosso Supremo Conselho. A visita ocorreu na sua agradável residência, onde mora com a família, na Cidade do Rio de Janeiro.
     Na sua trajetória no Supremo Conselho, o Irmão JOÃO FERREIRA DURÃO galgou o cargo de Lugar Tenente Comendador, função na qual permaneceu durante nove anos, no período em que era Soberano Grande Comendador, o Irmão NEY COELHO SOARES.
    À frente do Consistório Nº 1, além da elaboração do Regimento Interno do Corpo, o Irmão DURÃO lançou a revista O Consistório, em janeiro de 1996, a qual tinha entre suas atividades:  a divulgação de estudos maçônicos relativos ao Rito Escocês Antigo e Aceito e de temas culturais em geral.
    Na qualidade de pesquisador e escritor de assuntos variados relacionados à Maçonaria, o Irmão DURÃO é detentor de um importante acervo literário em português e em outras línguas, o qual utiliza para embasar suas obras. 
     Entre as obras literárias, de interesse maçônico, publicadas pelo Irmão DURÃO podemos citar:

    Ao final da visita, o Irmão JOÃO FERREIRA DURÃO solicitou ao Comandante-em-Chefe  que o mesmo fosse portador da doação de uma finíssima obra de artesanato ao nosso Supremo Conselho. Trata-se de uma representação de uma escultura em relevo num prato em mármore, de uma águia bicéfala, símbolo dos Altos Graus do Rito Escocês Antigo e Aceito.
    A obra foi recebida em 1998, ofertada pelo artesão do Conselho de Kadosch Nº 25, quando da visita do Irmão DURÃO ao município de Deodoro, em Alagoas, por ocasião da realização de uma cerimônia de entrega naquele município do quadro do  maçom e ex-presidente da República, Marechal DEODORO DA FONSECA.

Imagem do prato esculpido doado pelo Irmão JOÃO FERREIRA DURÃO.

6 comentários:

  1. Querido Ir.'.
    è com grande satisfação que li sobre essa visita, pois o nosso I.'. Durão (era como eu o chamava), me deu a grande oportunidade de minha vida profissional quando me admitiu na empresa ABC Teleinformática onde era diretor, foi o mestre de cerimonias de minha iniciação no grau 18 em 1985, fora outras ligações notáveis que tivemos. A muito tempo venho tentando entrar em contato com ele e não consigo, se possível gostaria de saber o telefone dele par poder agradecer o papel importante que teve em minha vida. meu email é helioeliashelio@yahoo.com.br. Grato, um TFA do Ir.'. Hélio Elias

    ResponderExcluir
  2. Comandante-em-Chefe, Ir. Sacramento. Consistório nº 1

    Encerro aqui, minha participação.

    Abraço forte. Ir. Sangenis, IME 36.784 - Membro Efetivo - Grande Inspetor Geral

    ResponderExcluir
  3. Caro Irmão Sangenis, deletei equivocadamente (por ignorância ou inabilidade digital) um comentário teu.
    Honro e respeito cada palavra com que tens colaborado com Blog do Consistório.
    Deste modo, reconheço que perdi um conteúdo importante remetido por você.
    Este espaço é nosso e você o tem usado sabiamente para trazer de volta importantes fatos da história do nosso Supremo Conselho.
    Mais uma vez, agradeço e honro a tua participação.
    Tfa.
    Milton A. G. do Sacramento

    ResponderExcluir
  4. Comandante-em-Chefe, Ir. Sacramento, Consistório nº 1

    Aceito seus esclarecimentos. Poderia até escrever tudo novamente, pois desde 1962, sempre escrevi, sem fazer rascunhos. Foi um dom que recebi de Deus.

    Assim como, também, falo de improviso, como você bem sabe.

    Amigo, o que escrevi, escrevi ! E juro, em nome do GADU, que os fatos se passaram como descrevi, pois estava lá, sentado, ainda, no Grau 31 e o fato me surpreendeu muito.

    Eu sei que Maçonaria Simbólica, não é uma democracia.

    E o nosso REAA, muito menos, está mais para uma autocracia.

    Manda quem pode e obedece quem tem juízo !

    Outrossim, ninguém é obrigado a ser maçom para viver. Então, como gosto da Maçonaria e muito mais do Supremo Conselho do REAA, estou muito satisfeito e não vou mais escrever sobre esse assunto deletado equivocadamente.


    Para mim o assunto está resolvido e definitivamente encerrado.

    Grande Inspetor Geral, Ir. Sangenis, Membro Efetivo, Consistório nº 1


    ResponderExcluir
  5. Comandante-em-Chefe, Ir. Sacramento - Consistório nº1
    Em nome da Maçonaria do REAA, a qual escolhi por sentimento e mais em face da amizade que nos une nessa Câmara, verdadeiro Sodalício, voltarei a fazer os meus comentários, pois estarei fazendo em 27 novembro de 2013, 20 (vinte anos) que recebi a Exaltação do Grau 33º, o que muito me honra ! Nesses 20 (vinte anos) compareci e logo em 1994 foi designado Membro Efetivo do Consistório, Nº 1, onde recebi as Medalhas de Reconhecimento Maçônico, Grande Reconhecimento Maçônico e a Comenda do Mérito Montezuma, pela bondade e amizade do Santo Império na pessoa do Soberano Grande Comendador Dr. Enir de Jesus da Costa e Silva, a quem serei sempre grato pela honraria com que me distinguiu.
    Grande Inspetor Geral, Ir. Fernando Conde Sangenis, IME 36.784, Membro Efetivo do Consitório Nº 1.

    ResponderExcluir

A ADMINISTRAÇÃO DO CONSISTÓRIO Nº 1 AGRADECE A SUA PARTICIPAÇÃO.