sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Os símbolos do Grau 31 e seus significados (Parte 1)

   Os ensinamentos do Grau 31 (Grande Inspetor Inquisidor Comendador) do Rito Escocês Antigo e Aceito apresentam vários símbolos relacionados: à Justiça, à Cabala, ao culto hebraico, à Alquimia, à mitologia grega e à tradição do Antigo Egito, entre outras influências.
   Os significados apresentados neste estudo referem-se exclusivamente ao Grau 31, visto que os mesmos símbolos apresentados em outros graus possuem outros significados.

A espada

    Simboliza o poder do Soberano Tribunal (ou Tribunal da Santa Vehme), significando também o respeito à autoridade do Tribunal.
   Dentro da doutrina do Grau 31, a espada serve para indicar que a força deve estar a serviço da aplicação da Justiça, servindo como um complemento da balança, apresentado na estátua da deusa Têmis.

A corda

   O enforcamento era o mais grave castigo aplicado pelo Soberano Tribunal, deste modo, no Grau 31, a corda simboliza a sanção imposta ao condenado, ou seja, a aplicação implacável da pena.
   Conforme os ensinamentos do Grau 31, a visibilidade do enforcamento era tanto maior, quanto mais importante fosse a condição social do condenado, de modo a servir como exemplo à sociedade.

A balança

   Significa que o Soberano Tribunal deve realizar os julgamentos de forma imparcial.
   Deste modo, no decorrer do devido processo e da análise dos fatos, devem ser colocados, em ambos os pratos da balança, todos os argumentos a favor e contra o acusado.
    Os argumentos apresentados devem ser comparados e analisados, a fim de que possam resultar no justo julgamento.

O corvo

   Oriundo de diferentes tradições pagãs, o corvo está comumente associado ao simbolismo da morte e da condenação eterna.
Link para o estudo sobre => o corvo
   No Grau 31, o corvo está associado à inteligência, à prudência e à memória.
    De acordo com a tradição bíblica, no período em que a arca esteve à deriva, Noé libertou um corvo a fim de que a ave identificasse um local com terra firme, para que  a embarcação pudesse aportar. Contudo, o corvo jamais regressou.
    O corvo, juntamente com a pomba e a fênix, possuem, no Grau 31, um significado relacionado à Alquimia.
Link para estudo sobre => o corvo, a pomba e a fênix

Um comentário:

  1. O Tribunal da Santa Vehme está fazendo falta, neste País com graves problemas de corrupção e roubo contumaz. Não seria por falta de corda, nem de árvores e nem de lugares... É uma coisa para ir se pensando... Muitas vezes as medidas radicais e os remédios amargos são as que mais fazem efeito. Vivemos num País sem Justiça, sem limites, na verdade una esculhambação republicana, num mundo que, segundo alguns autores, dizem que: "A CHIBATA FOI A MOLA MESTRA DO PROGRESSO DO MUNDO" Chegou a hora de colocar em prática as aulas do Grau 31...que tal ? Ir. Sangenis.IME 36.784. (Se o assunto não estiver de acordo com o Blog do Consistório nº 1 o Comandante-em-Chefe pode deletar. Todavia, que fique expresso que esse é o desejo de um advogado criminal, que deixou há muitos anos de acreditar em historas da Carochinha...O povo brasileiro está sendo muito prejudicado com a Nova Lei do Trabalho e a Reforma da Previdência é uma indecência... Abraços fraternos. do Grande Inspetor Geral Sangenis. (apenas usei a Liberdade de Pensar)

    ResponderExcluir

A ADMINISTRAÇÃO DO CONSISTÓRIO Nº 1 AGRADECE A SUA PARTICIPAÇÃO.