quinta-feira, 19 de março de 2015

A lenda de Santa Bárbara

    Complementando o estudo dos Quatro Elementos e o Rito Escocês Antigo e Aceito (O ar), segue abaixo a lenda de Santa Bárbara.
Link para o estudo => Os 4 Elementos (O ar)
   A tradição comum afirma que Bárbara, filha de Dióscuro, nasceu na região da Nicomédia, na Turquia, por volta do ano 280 depois de Cristo.
A Nicomédia (atual Izmit) era uma cidade localizada na atual
 Turquia, numa importante rota que liga a Europa à Ásia.
     Dióscuro, um alto funcionário do governador Diocleciano, a fim de preservar a castidade de sua bela filha, mandou construir uma grande torre, onde a manteria protegida.
    Conforme o relato religioso, Bárbara escolheu todas as características da torre e em seu quarto foram feitas duas pequenas janelas com grades (ou redes) para que a protegesse dos invasores.
As imagens de Santa Bárbara são normalmente apresentadas com uma torre.
    Durante as obras, em razão da proximidade que teve com a comunidade cristã que morava no entorno da construção, Bárbara converteu-se ardorosamente ao Cristianismo.
   Dióscuro, ao descobrir que sua filha era cristã, mandou aprisioná-la na própria torre como castigo.
   Pela simpatia que havia conquistado junto aos pedreiros durante as obras, sem que pai soubesse, Bárbara conseguiu que eles acrescentassem uma terceira janela em seu quarto, de modo a que pudesse honrar secretamente à Santíssima Trindade Cristã (o Pai, o Filho e o Espírito Santo).
A arquitetura religiosa católica usa
comumente o simbolismo da três janelas.
Embora com simbolismo diferente da lenda, o
painel do Grau 1 (Aprendiz) do Rito Escocês Antigo
 e Aceito também possui três janelas, com grades.
    Durante o período em que Bárbara esteve aprisionada, a torre era repetidamente atingida por raios durante as tempestades. Contudo, a construção permaneceu intacta durante anos, não permitindo que a jovem fugisse.
    Após ter sido submetida a diversos martírios (acoites, humilhações públicas, flechadas etc.) a fim de que negasse sua crença, Bárbara foi morta, decapitada pelo próprio pai, que não aceitou sua conversão à religião cristã.
  Após a morte de Bárbara, várias lendas se formaram acerca da sua vida, tornando a cidade da Nicomédia um local de peregrinação.
   Os fiéis acreditavam que Santa Bárbara era a responsável por enviar os raios que castigavam a torre durante as tempestades.
   Clique no link abaixo e ouça a lenda de Santa Bárbara narrada a partir de uma pregação católica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A ADMINISTRAÇÃO DO CONSISTÓRIO Nº 1 AGRADECE A SUA PARTICIPAÇÃO.